27/01/2016

Livro: Paris no Dia dos Namorados - Renata Varela [RESENHA]


Olá, como estão? Quanto tempo, hein?!
Faz um tempinho que não apreço por aqui, mas finalmente voltei com uma resenha que estava muito ansiosa para escrever, aqui no blog, já registrei as primeiras impressões dele, e agora farei uma resenha. 
Espero que gostem e se interessarem pelo livro, podem entrar em contato com a autora no Facebook dela.
X

Autora: Renata Varela
Livro: Paris no Dia dos Namorados
Site/Blog: Who's that girl? [AQUI]
Mais:  || Facebook || Skoob || Instagram ||
Sobre a autora: Renata Varela nasceu em Recife-PE, em 1996. Quando não está escrevendo, está lendo ou fazendo café. Mora com o noivo, um cachorro e duas gatas, em sua cidade natal.

Sinopse do livro: Paris no Dia dos Namorados - Com um histórico romântico pra lá de bagunçado, Lucy Rigby é mandada à Paris, a cidade mais romântica do mundo, com o dever de registrar o maior número de casais possível, para uma grande matéria na revista onde trabalha em NY. 
A viagem que antes era a trabalho, se revela bem mais agitada e cheia de possibilidades. Lucy levou apenas objetos de trabalhos na mala, mas tudo indica que vai levar de volta a sua cidade muito mais experiências e boas recordações. 

X
PRIMEIRAS IMPRESSÕES
ALERTA: TEM SPOILER 
X

Fazia um tempinho que fiquei de fazer uma resenha desse livro, eu tinha lido as 41 primeiras paginas e registrei as primeiras impressões (AQUI) e disse que, quando lançasse o livro tentaria comprar. Demorou, mas acabei comprando e lendo o livro. 
Só a Rê sabe como estava ansiosa para ler o livro, fiquei conversando com ela o tempo todo pelo Facebook até que comprei o livro, estava demorando chegar e fiquei aflita achando que não chegaria mais, tanto porque tinha mudado de casa e teria que pegar o livro com minha tia que está morando lá e tanto porque achei que ela não conseguiria pegar o livro quando chegasse. Mas felizmente tudo se resolveu e a Rê foi muito simpática comigo, agradeço a paciência.
O livro chegou com um autografo/dedicatória super fofa da Rê especialmente pra mim (adorei), e é claro, dois marcadores do livro que também amei. 
Voltando a resenha...
X

Paris No Dia Dos Namorados é um livro fofo e cativante, eu já disse que adorei a forma que a Renata escreve, porque é de uma maneira leve e descontraída, nada de enrolações demais ou palavras muito difíceis que você precisa ter um dicionario ao lado para entender para não perder o significado. As personagens são super cativantes, você acaba se emocionando junto com elas. 

Lucy Rigby e sua amiga Alice vão juntas para Paris a trabalho, ou assim se esperava. Ambas trabalham na Social Femim; uma revista. Lucy é quem escreve as matérias e Alice é quem tira as fotos. Elas chegam lá esperando encontrar e escrever uma ótima matéria, e saem com uma bagagem cheia de experiências e recordações. 

Lucy é o tipo que não se dá muito bem em relacionamentos, enquanto sua melhor amiga é mais "saidinha" e não vê problemas em ter que se relacionar com alguém, até porque ela mesma já teve o coração partido e agora não se importa de ser quem faz isso.

Não sei se já comentei sobre isso antes, mas muita coisa acontece nos primeiros capítulos que chega a surpreender, mas nos deixa o pensamento que "Ainda tem muita coisa a acontecer", e não foi diferente. Bem quando elas chegam a Paris, Lucy já se depara com um grupos de amigos e em seguida conhece O rapaz. 
As coisas entre os dois acontecem de uma forma rápida demais, depois um acontecendo chocante; que não, não tem nada a ver com os dois e sim um conhecido de Lucy, mas não darei mais spoilers para não perder a graça. 

A personagem que mais me surpreendeu foi a Alice, desde o começo do livro quando ela saia ficando com rapazes diferentes (não tanto assim, mas mais que dois, já é muito), eu acreditava que ela pudesse encontrar alguém que a faria feliz, tanto que até torcia para um personagem que ela conheceu em Paris também. Acredito que ela foi a que teve a bagagem mais cheia, e tive muita vontade de bater na cabeça dela com um livro quando o ex dela voltou e ela ficou toda "sentimental", essa não é bem a palavra, mas poxa, ele era um canalha, pensei que ela mudaria quando percebesse isso, mas ela ainda estava de coração partido, então entendi. Não entendam mal, ela não voltou a ficar com ele, mas tive que desabafar um pouco. 

Outra que tive vontade de bater com o livro também foi a Lucy, eu entendia que ela estava passando por momentos complicados, muita pressão e etc, mas ela foi muita grossa com o Paul (par romântico*-*), quando ele ligou para ela, quando ela voltou para "casa" em NY.

Apesar de muita coisa que aconteceu, muitas experiências e etc, é em Nova Iorque que acontece os momentos decisivos, afinal, elas foram à Paris justamente para escrever uma matéria de Dia Dos Namorados para a revista que trabalham, e se forem bem sucedidas conseguirão receber uma promoção.

Desde o momento que conheci Paul, eu  não sabia o que pensar sobre ele, sei lá, ele parecia 'perfeito demais" para ser verdade, era bonito, legal e gentil e além disso gostava dela realmente, o que me fez pensar que ele devia esconder alguma coisa, acho que estou mal acostumada com livros assim, mas adivinha quem teve uma surpresa? Sim, eu O/

Apesar de tudo isso que aconteceu em Paris e em Nova Iorque que é onde as duas partes do livro acontece (ele é dividido em duas Partes: A primeira; quando ela chega à Paris e a Segunda: quando ela volta para Nova Iorque), somos presenteados com um final muito fofo e romântico, eu amei aquele final, esperava por ele desde o momento em que eles se separaram em Paris. 

A Renata soube exatamente como desenvolvê-lo porque eu fiquei super ansiosa e torcia pelo reencontro dos dois e ele aconteceu em um momento muito bom, justamente com uma boa noticia para ela. 

X
Eu só posso dizer que: Estou ansiosíssima para comprar e ler mais livros da Renata. Eu sei que ela tem uma conta o Wattpad, mas sou o tipo que prefere a moda antiga, adoro ter o livro físico em mãos para tocá-lo, ler me emocionar e colecionar juntos com os outros livros. Agora, quero muito continuar lendo: As listas de Ellen, que só está no Wattpad (AQUI), mas irei acompanhar mesmo assim, e esperarei por novos projetos de lançamentos dela. 
Eu não tinha muito habito de leituras nacionais, apesar de já ter lido muitos livros incríveis; mas acredito que vale muito a pena se aventurar por essas leituras; mesmo sem saber ou querer saber, o nosso país tem vários escritores sensacionais, sejam eles já conhecidos, ou aqueles que continuam no anonimato. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ރ Respeite a todos e não ofenda ninguém.
♮ Não gostou do blog? Não precisa sair xingando, ofendendo todo mundo, aceito sugestões, mas tenha educação.
ރ Pode deixar o link do seu blog que retribuo a visita.
♮ Caso não obedeça as regras seu comentário não será publicado

Desenvolvido por: Mhylla | Base de Menu: Mundo Blogger | Mais: